Uma janela sobre o mundo bíblico

Por que Jesus foi para o deserto para ser tentando?



  • Pergunta de Rogerio Pfaffmann Diniz, São Joaquim da Barra - SP
  • 3369
  • 18/02/2018
Odalberto Domingos Casonatto

Leia mais sobre Tentação |


Rogério Pfaffmann Diniz de São Joaquim da Barra - SP

O deserto na Bíblia sempre foi lugar de oração, de purificação de preparação na tomada de decisões. Moisés no Antigo Testamento conduziu o povo de Deus para o deserto (por 40 anos) para ser purificá-lo e prepará-lo para chegada na nova terra, da liberdade a Terra Prometida.

Jesus é apresentado por Mateus como o novo Moises, irá formar um novo Povo conforme o que seu Pai lhe pede e o prepara para está missão.

Antes de iniciar a vida pública, Jesus passa 40 dias no deserto em oração, (lembra os 40 anos do povo de Deus no deserto na Antiga Lei) no deserto Jesus se prepara para sua missão e o demônio veio a tentá-lo em três grandes tentações que envolvem todo o ser humano e a humanidade: A tentação do Ter, do Ser e do Prazer.

Jesus tinha forças e a determinação de seu Pai, não estava no deserto para ser simplesmente tentado, mas para preparar-se para a grande missão de resgatar a humanidade da morte e do pecado. O projeto de Jesus para a humanidade era o projeto de seus Pai, não era o projeto do Rei Herodes, que incluía, escravidão, opressão e morte, nem era compactuar com a Paz Romana do Império Romano, que levava a morte da maioria das pessoas. Seu projeto era o projeto do Pai, com vida, liberdade e solidariedade.

3369 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook