Uma janela sobre o mundo bíblico

Morre arqueólogo que descobriu túmulo do rei Herodes



Luiz da Rosa

Leia mais sobre Arqueologia |


O arqueólogo israelense Ehud Netzer, que se tornou conhecido pela escavação do palácio de inverno do rei Herodes e descoberta da tumba do monarca, morreu ao sofrer uma queda. Ele tinha 76 anos.

A imprensa israelense menciou a morte de Netzer com destaque. O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu divulgou um comunicado em que dizia ser "uma perda para a família e para os estudiosos da história de Israel e da ciência da arqueologia".

Netzer conversava com colegas no sítio arqueológico quando um corrimão de segurança de madeira se partiu e ele caiu a vários metros do chão. A queda ocorreu no domingo e, levado às pressas com ferimentos graves ao hospital, faleceu na quinta-feira. O funeral será realizado nesta sexta-feira.

As descobertas de Netzer ajudaram a expandir o conhecimento sobre Israel do passado, especialmente a história do rei Herodes que controlou a Terra Santa sob a ocupação romana imperial há dois milênios.

Leia aqui matéria sobre os arqueólogos israelenses que apresentam restos do rei Herodes

1837 visitas



Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook