Uma janela sobre o mundo bíblico

Aonde a Bíblia conta que ladrões procuram assaltar Moisés, no deserto, e então ele entrega para eles o anel que ele ganhara do Faraó?



  • Pergunta de Jefferson Reis, São Paulo
  • 1494
  • 23/12/2018
Luiz da Rosa

Leia mais sobre Moisés | Novela


Essa narração não é bíblica, mas faz parte da novela "Os Dez Mandamentos". Essa cena aparece nos capítulos 95 e 96 da dita novela e faz parte de uma narração romântica criada pela televisão brasileira, misturando vários elementos bíblicos, mas com detalhes pouco fiéis à história contada pela Bíblia. Um desses detalhes que não coincide com a Bíblia é essa cena:

Capítulo  95 da novela:

Arão se encanta com o anel que Moisés deixa cair da sacola. Ele explica ao irmão que foi um presente dado por Ramsés. Eles percebem a aproximação de cinco homens mal encarados. Moisés alerta que provavelmente sejam assaltantes e Arão brinca dizendo que não tem nada que possa ser roubado, mas seu sorriso se fecha ao perceber o anel no dedo de Moisés.

Capítulo 96 da novela:

Diante dos quatro Amalequitas, Arão se controla para não partir para briga e Moisés tenta manter a calma, entrega o anel e oferece comida aos assaltantes....

Portanto, em conclusão, essas informações não são de caráter histórico e não têm uma ressonância bíblica. Por isso, não podemos dizer a passagem bíblica em que se encontra.

 

Pouco provável que Moisés tenha o anel do Faraó

Como disse, a novela televisiva mistura elementos contados pela Bíblia, provocando confusão das informações. Quem recebe o anel do Faraó é José, como contado em Gênesis 41,41-43:

O Faraó disse mais a José: “Vê: eu te estabeleço sobre toda a terra do Egito”. E o Faraó tirou do dedo seu anel-selo e o colocou no dedo de José. Mandou que o vestissem com linho fino e colocou uma corrente de ouro fino em volta de seu pescoço. Também o convidou a subir em sua segunda carruagem real, tendo à frente os arautos do império que iam bradando: “Abrek, Inclinai-vos!” Assim José foi empossado no comando de toda a terra do Egito.

O anel dado a José, filho de Jacó, e precursor dos hebreus no Egito, é sinal do poder que o hebreu recebe em terras egípcias. De fato, o anel não é simplesmente uma coisa preciosa, como insinua a novela, mas é, naquele tempo, a assinatura de uma pessoa importante, com a qual se podia emanar decretos; é o sigilo. Comparando com os costumes dos tempos modernos - digamos do século passado - o anel é o timbre.

Moisés, embora tendo sido criado pela filha do Faraó, parece não ter tido esse poder. Certamente não o possuía no período em que está no deserto, depois de ter assassinado o egípcio.

1494 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook