Uma janela sobre o mundo bíblico

Por que a Bíblia, especialmente o Apocalipse, é difícil de interpretar? Seria melhor se a interpretação fosse fácil.



  • Pergunta de Rosivaldo, Gurupi, TO
  • 794
  • 27/01/2019
Luiz da Rosa

Leia mais sobre Exegese | Leitura popular da Bíblia | Métodos de leitura


Você tem razão e é verdade que na Bíblia existem passagens de difícil interpretação. Por exemplo, não é fácil entender, com as concepções de hoje, como pode Deus pedir que se extermine toda uma cidade, como pode, por exemplo, pedir a Abraão que sacrifique seu filho ou pode deixar que uma pessoa seja colocada à prova, até mesmo com a morte de seus familiares, como aconteceu com Jó. Além desse aspecto do comportamento divino violento do Antigo Testamento, há textos que são misteriosos, tanto no Antigo quanto no Novo Testamento. Você menciona o livro do Apocalipse, mas poderíamos colocar também passagens enigmáticas de Daniel ou também de Ezequiel.

 

Por que essas passagens são difíceis?

É importante que você tenha se perguntado sobre isso. O fato de perceber a dificuldade de interpretar esses textos faz com que você não incorra em erros típicos de leitores afobados e pouco sérios, que veem nesses textos interpretações bizarras e erradas, como as do fim do mundo.

A dificuldade de entender esses textos reside, primeiro de tudo, no fato que foram escritos há muito tempo atrás e, sobretudo, no fato que pertencem à um estilo literário muito particular: o gênere literário apocalíptico. Para exemplificar, às vezes me encontro escutando na rádio uma música estranha, que descubro ser típica dos adolescentes, com as quais eles se identificam e entendem facilmente. Para mim ela diz muito pouco e entendê-la é até difícil, por causa da linguagem estranha e pela gíria que se usa. Um processo parecido pode ser aplicado para explicar a dificuldade do Apocalipse. O autor usa uma linguagem muito simbólica, que era clara para os destinatários da obra, mas obscura para nós hoje. Só alguns exemplos: 666 era o número da besta, uma menção ao imperador perseguidor; o fogo é sinal de purificação; o branco símbolo do eterno, do divino, de Deus e assim por diante.

O mais importante é ter certeza que essas visões apocalípticas não revelam o fim do mundo, mas revelam como Deus age na história e como é senhor dela: a história está sob o controle divino, mesmo se as evidências mostram o oposto. Apocalipse não é "destruição" ou "fim do mundo", mas "revelação" de Deus.

 

Necessidade de estudo

Todo mundo pode abrir a Bíblia e ler, tirando dela indicações para a própria vida. Mas nem sermpre, como você nota, é automático. Há textos fáceis e textos difíceis. Para quem não tem preparação ou ajuda, é melhor começar com textos simples. Livros mais complexos, como o Apocalipse ou as visões de Ezequiel requerem uma certa erudição, sem a qual se incorre em sérios riscos. Ninguém está excluído da leitura desses livros, mas todos deveriam ter consciência, como você, da dificuldade que eles apresentam. E se quiser ler corretamente precisa saber da necessidade de estudo para o seu bom entendimento. Estudo significa leitura, significa informar-se, buscar conhecimento através de outros que se dedicam a fornecer instrumentos para melhor compreender o que lá está escrito. 

Cito um exemplo que pode mostrar quanto seja importante este aspecto. O texto grego do Apocalipse tem uma particularidade: há algumas passagens que tem erros de gramática. É claro que o autor não era um analfabeta. Por quê desses erros? A razão, conforme os exegetas, é chamar a atenção do leitor, que, dando-se conta do erro, pára e lê aquela frase de maneira mais atenta. É, portanto, um método para chamar a atenção do leitor, como se sublinhasse uma frase. Isso nunca perceberemos, exceto se lemos um comentário ao Apocalipse.

Não exclua a possibilidade de ler bem o Apocalipse, de entendê-lo bem. Se tiver possibilidade, compre uma introdução ou procure na internet uma boa guia de leitura desse livro espetacular, que traz uma mensagem fundamental: Deus caminha conosco, também em momentos difíceis, e controla a história.

794 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook