Uma janela sobre o mundo bíblico

As filhas de Ló eram pervertidas?



  • Pergunta de Mary, São Paulo
  • 94092
  • 26/02/2012
Luiz da Rosa

Leia mais sobre Incesto | |


Segundo a narração Bíblia, Ló seguiu o tio no caminho para a terra de Canaã (Gênesis 11,27-31), mas quando os rebanhos dos dois se tornaram grandes demais, se separaram e Ló foi para a região do Mar Morto. Depois Ló foi para Sodoma. Quando Deus decidiu destruir a cidade, junto com Gomorra, o sobrinho de Abraão foi advertido por dois anjos para que escapasse da cidade. Ele fugiu com a esposa e filhas, mas enquando escapavam, a esposa olhou para trás, contrariando a ordem dada, e foi transformada numa estátua de sal (Gênesis 19,1-26).

 

Então Ló se refugiou numa caverna com as filhas. Elas queriam ter filhos, mas não tenho homens naquela região, embriagaram com vinho o próprio pai e tiveram relações sexuais com ele, enquanto estava bêbado. Elas tiveram dois filhos, dos quais nasceram os povos dos moabitas e dos amonitas (Gênesis 19,30-38).

 

Outros casos de incesto na Bíblia

Para complicar, existem ainda outros exemplos de incesto na história de Israel:

 

A Bíblia condena o incesto

Todas as culturas proíbem e condenam o incesto. E assim acontece também na Bíblia, sobretudo em Levíticos 18 e 20. Levíticos 18,6 diz: Nenhum homem se chegará a qualquer parenta da sua carne, para lhe descobrir a nudez. Eu sou o SENHOR.

E, mais ênfase, assim diz Levíticos 20,12: Se um homem se deitar com a nora, ambos serão mortos; fizeram confusão; o seu sangue cairá sobre eles.

Também Paulo, quando escreve aos habitantes de Coríntios, condena com força um caso na comunidade, de alguém que tem relações com a “esposa do próprio pai” (1Coríntios 5,1-5).

 

Julgando o caso

É uma história complexa de entender. Essa complexidade aumenta por causa da nossa concepção moral da sexualidade que é justamente fundamentada na Bíblia, da nossa convicção segundo a qual o incesto é um pecado grave. Como dissemos acima, tal princípio moral encontra razão de ser nas passagens da Bíblia. Por outro lado, diante desse caso, o autor do texto parece não ter um juízo muito coerente com o nosso, pois não julga o comportamento das duas filhas, como esperaríamos. Por quê?

Para entender é importante ter presente quem são os filhos desse incesto: são Moab e Amon, os pais de dois povos que tiveram muito a que ver com a história de Israel. Sabemos bem que a relação desses povos com Israel não foi amigável, mas estavam continuamente em contraste. O que o autor quer sublinhar é a origem desses dois povos, que nasceram de um ato impuro e que por isso eles mesmos não são gente que preste. Portanto o juízo do autor não é de indiferença, como poderíamos imaginar, mas, em modo irônico, julga negativamente seja o comportamento das filhas de Ló, mas sobretudo a origem pouco digna desses dois povos. Um exemplo parecido temos com os descendentes do filho de Noé, Cam. Ele “viu a nudez do pai” (Gênesis 9,22). Ele é o pai dos cananeus, outro povo historicamente inimigo de Israel.

 

Concluindo

Para nós cristãos vale, sem dúvidas, o ensinamento de Paulo e as regras da lei ensinada no Pentateuco. Por isso, se temos que julgar o comportamento das filhas de Ló, sem dúvida, merecem uma sentença de condenação. As ações incestuosas presentes nas narrações bíblicas não são louváveis, mas fruto de erros de comportamento. Tal moral é presente também no texto referente às filhas de Ló. Todavia, nesse caso, o foco sobre o qual se concentra o juízo não é no ato em si, mas nas consequências que ele provoca: a criação de um povo inimigo de Deus. É por isso que nós, leitores, nem sempre percebemos a juízo sutil que faz o autor, pois esperaríamos uma sentença explícita contra as filhas de Ló, mas ele quer condenar os dois povos. Fazendo isso condena também a ação das duas mulheres.

94092 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook