Uma janela sobre o mundo bíblico

Em Damasco, onde se encontra o memorial de S. Paulo, local celebrativo da sua conversão com a queda do cavalo?



  • Pergunta de Vitor Espadilha, Aveiro
  • 3244
  • 13/07/2008
Luiz da Rosa

Leia mais sobre Arqueologia | Paulo |


Damasco, capital da atual Síria, foi para Paulo a cidade da mudança de vida. Os Atos dos Apóstolos, no capítulo 9, contam como Paulo, no caminho para Damasco, ficou cego por causa de uma luz fulgurante e ouviu a voz de Jesus. Contudo nem Lucas, nos Atos dos Apóstolos, e nem Paulo contam o local exato de tal acontecimento. Visto que os companheiros do apóstolo o levaram até a cidade “pela mão” provavelmente o local era próximo à cidade. A Bíblia não menciona o famoso cavalo do qual Paulo teria caído por ocasião da visão. Mas os artistas e escritores sempre descrevem assim tal acontecimento pois é difícil que os viajantes viessem a pé desde Jerusalém.

O local da conversão de Paulo foi identificado como sento Tabbaleh, junto à Porta Oriental de Damasco. Na década de 70 neste local foi contruído o memorial de São Paulo, desejado pelo Papa Paulo VI, depois de sua visita à Terra Santa em 1964. É uma igreja moderna construída sobre o local onde durante séculos os fiéis faziam memória da conversão do Apóstolo. A estrutura conta também com uma casa de acolhida cuidada pelas irmãs franciscanas. Há pouco tempo foi construída uma nova capela neste local: a capela da caída do cavalo de Paulo.

Em Damasco é lembrata também a casa de Giuda, um hebreu que vivia na cidade, que recebeu Paulo em sua casa, enquanto era cego. A tradição diz que esse hebreu vivia na “Via Recta”, uma das duas estradas principais da cidade. Hoje essa estrada é chamada de Al Mustaqeem. De acondo com as fontes mais confiáveis, a casa se situava numa estrada próxima a esta “Via Recta”, onde hoje se encontra uma pequena mesquita. Antigamente os cristãos tinham construído uma pequena capela, que foi substituída pelo edifício atual.

Finalmente temos a casa de Ananias, o discípulo que fez com que Paulo pudesse voltar a ver e o batizou. Por volta de 1920, foram descobertos restos de uma igreja bizantina em Hananieh, embaixo das ruínas de uma mesquita. Relatos antigos, de fato, falam que a casa de Ananias teria sido transformada em capela e depois em mesquita.

3244 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook