Uma janela sobre o mundo bíblico

Qual foi o homem, na Bíblia, que furtou 1.100 moedas da sua mãe?



  • Pergunta de Kezia Da Silva Cunha, São Luis / MA
  • 17722
  • 19/04/2012
Odalberto Domingos Casonatto

Leia mais sobre Mica | Juízes


Olá Kezia da Silva Cunha de São Luis / MA!

A pergunta envolve uma das chamadas histórias da Bíblia. O fato Bíblico é encontrado no Livro dos Números capítulo 17-18. O personagem que roubou 1100 moedas da sua mãe se chama Miqueias (do hebraico Mikayehû = quem é como Iahweh), geralmente usado na forma abreviada Micas! O texto Bíblico assim diz:

“ 1 Havia um homem da região montanhosa de Efraim, cujo nome era Micas. 2 Disse este a sua mãe: As mil e cem moedas de prata que te foram tiradas, por cuja causa lançaste maldições, e acerca das quais também me falaste, eis que esse dinheiro está comigo, eu o tomei. Então disse sua mãe: Bendito do Senhor seja meu filho! 3 E ele restituiu as mil e cem moedas de prata a sua mãe; porém ela disse: Da minha mão dedico solenemente este dinheiro ao Senhor a favor de meu filho, para fazer uma imagem esculpida e uma de fundição; de sorte que agora to tornarei a dar “ (Jz 17,1-3)

A história de Micas mostra os danos da avareza e como ela é capaz de tomar conta de nossas vidas , como dissemos está registrada no livro de Juízes, capítulos 17 e 18.

 

Afinal quem era Micas?

Mica ou Miqueias era um homem da região de Efraim e sua mãe era uma comerciante próspera. Micas, foi tentado e roubou de sua mãe cerca de 1.100 moedas de ouro que ela havia guardado fruto do lucro do trabalho e do comércio . A mãe de Micas nem imaginava do roubo que o filho havia feito e lançou uma maldição sobre o ladrão. Assim que Mica soube da maldição da Mãe, teve medo e confessou o roubo.

Micas amedrontado disse a sua mãe:

“Os mil e cem siclos de prata que desapareceram, e que amaldiçoastes os malfeitores, eis que esse dinheiro está comigo; eu os roubei.” (Jz 17,a)

A fantástica história prossegue [....], não nos estenderemos, pois escapa ao alcance da resposta. Mas permanece um desafiante ensinamento para nós.

Na continuação da história aparece à figura de Jônatas que pede emprego a Micas e ele faz uma proposta de emprego: dez ciclos de prata por ano, vestuário e alimentação. Em troca, Jônatas seria seu sacerdote particular. O desfecho da história mostra também Jônatas corrompido pela avareza estava pronto para trair seu patrão. Jônatas é cúmplice no roubo dos ídolos e das roupas sacerdotais por um pouco mais de dinheiro acaba mentindo, a avareza toma conta de seu coração. A medida do ter, sempre mais, nunca enche, porque o que mesmo o coração do ser humano precisa é de Deus, não só de coisas materiais.

Numa sociedade que valoriza o ter cada vez mais, esta história fala muito para cada um de nós. Vivemos num mundo competitivo, que busca desenfreadamente o dinheiro, não mede consequências em consegui-lo. Nesta corrida pelo “deus dinheiro”, cresce no coração humano a avareza, que conhecemos muito bem e que a cada dia nos e apresentada nas mais diferentes facetas.

Por isto Kezia, muito mais que saber quem é o homem que furtou 1.100 moedas da mãe, podemos ir mais longe no estudo deste episódio. Conhecer melhor o mal que provoca a avareza no coração humano.

17722 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook