Uma janela sobre o mundo bíblico

Ficar é pecado ou não? Se for, por quê?



  • Pergunta de Niely, Juiz de Fora
  • 52927
  • 27/05/2012
Luiz da Rosa

Leia mais sobre Sexo |


O 'ficar' é uma situação que virou quase normal, em muitos ambientes, sobretudo onde a moral não exerce uma influência decisiva. Essa prática revela dois aspectos, com valores diversos. O primeiro é que o sexo, muitas vezes, não é mais um tabu, mas é vivido como uma realidade humana. O segundo aspecto que a prática do 'ficar' mostra é que a dimensão sexual pode ter perdido o foco essencial.

Se por um lado a primeira constatação pode conter algum elemento positivo, a segunda evidencia que existem aspectos  por trás de tal prática que precisam ser tratados com muita atenção. 

 

O sexo antes do casamento e o "ficar" são questões modernas e a Bíblia trada delas apenas indiretamente. Naquele tempo, com certeza, quem praticava tais ações era considerado um pecador, que devia ser afastado da comunidade e, se fosse adultério, podia até mesmo ser apedrejado. Todavia, como já nos ensinou Jesus, não podemos ser radicais em aplicar as leis do Antigo Testamento; não podemos pretender de ter a autoridade para apedrejar ninguém (veja o caso de Jesus com a mulher adúltera em João 8). As leis precisam ser entendidas dentro do contexto em que foram escritas.

 

Mesmo assim, é errado pensar que podemos aceitar tudo, que a nossa adesão à doutrina cristã tenha que engolir todas as novidades 'modernas', como é o 'ficar'. É muito importante tomar a Bíblia e tentar ler que mensagem podemos tomar para refletir sobre a questão da sexualidade. Não creio que a estrada acertada seja tomar eventos contados pela Bíblia para julgar práticas modernas, mas o correto é tomar textos que fundamentam aspectos essenciais na vida humana, como o é a sexualidade.

 

Com essa perspectitiva poderíamos, por exemplo, tomar o texto do livro do Gênesis onde se diz que o homem deixa o seu pai e a sua mãe para viver com sua mulher; os dois se tornam uma só carne (2,24). Essa passagem não diz nada sobre o sexo antes do casamento ou sobre o 'ficar', mas fundamenta toda eventual relação sexual. Quando duas pessoas fazem amor se tornam ‘uma só carne’, uma unidade. O ato sexual une duas pessoas, rendendo-lhes conjunto, um casal. De fato Jesus (Mt 19,5-6) retoma a passagem do Gênesis e acrescenta: “já não são dois, mas uma só carne. Portanto, o que Deus uniu, o homem não deve separar”. Nesse sentido pode ser lido o texto de Êxodo 22,15-16, onde se diz que se algum homem seduz uma jovem não casada deve, como consequência, tomá-la como esposa.

Esses textos não são categóricos em afirmar que não se pode fazer amor antes do casamento. Todavia são claros em afirmar a importância do ato sexual: não é um jogo e nem simples busca de prazer, mas expressão de amor e responsabilidade.

 

Diante de tal reflexão, o que você pensa: é pecado 'ficar'? Sei que não estou dando uma resposta, mas faço isso de propósito. Cada um tem que aprender a encontrar as respostas. E não temos que pensar que a Bíblia tenha as respostas prontas. De qualquer forma, fazer a pergunta já é um passo importante. Para lhe ajudar a responder, tente fazer outras perguntas inerentes a essa situação. Por exemplo, questione se ficar significa um ato responsável ou simples busca de prazer.

52927 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook