Uma janela sobre o mundo bíblico

Como é trombeta santa em hebraico?



  • Pergunta de Rafael Araujo, Manaus
  • 6846
  • 13/10/2012
Odalberto Domingos Casonatto

Olá Rafael Araujo de Manaus! 

 A trombeta Santa é um dos símbolos mais importantes do Judaísmo. Nas escrituras Sagradas do Antigo Testamento encontramos em inúmeras passagens.

A trombeta em hebraico de diz Shofar (shofar em hebraico).

 O que é o shofar?

Shofar é considerado um dos instrumentos de sopro mais antigos existentes no mundo. Sua confecção é muito simples, é feito do chifre de um carneiro, (não pode ser chifre de gado) trabalhado produz um som não estridente, mas suave. Portanto um instrumento muito prático e utilizado no mundo agropastoril do Antigo Testamento.

Sua origem está no hebraico (do hebraico shofar ) e a raiz da palavra vem de “shapar” que significa “ser agradável” e traz consigo outras raízes que são: - sheper que significa “beleza” - shiprâ que significa “clareza, limpeza”; - shaprur que significa “dossel”.

Em palavras mais brasileiras, o Shofar e semelhante ao conhecido “berrante”, usado nas lidas pastoris dos que trabalham com o gado. Só que este é feito de chifre de gado. Existindo dos mais diferentes tamanhos. Muito usado no sul pelos gaúchos, para reunir o gado, mas em todo o Brasil encontramos com os trabalhadores de gado.

No Antigo Testamento ele aparece escrito muitas vezes. Usado para causar medo ao inimigo nas ocasiões de combate, ou numa declaração de guerra e para chamar a população espalhadas nas tendas pelo deserto para uma assembleia ou reunião.

Nos tempos bíblicos o seu toque sonoro foi determinado para anunciar o novo mês lunar (sempre na lua nova). A tradição assim reza, “no primeiro dia de Elul (último mês do calendário judaico), um mês antes de Rosh Hashaná (festa do ano novo judeu, alias nesta festa o toque do Shofar serve para anunciar o ano novo), Moisés subiu ao Monte Sinai para receber os Dez Mandamentos pela segunda vez, depois da desgraça do bezerro de ouro. Ele tocou o Shofar como lembrança de que não deveriam mais pecar e nem construir outro bezerro de ouro” (por representar a idolatria a falsos deuses, Êxodo 32).

Não são usados os chifres do gado e sim do carneiro para lembrar o sacrifício de Abraão e de Isaac. Para honrar esse animal, os judeus usam um chifre de carneiro nos serviços religiosos.


Shofar de estilo Iemenita


Um hebreu tocando o Shofar

6846 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook