Uma janela sobre o mundo bíblico

Quem são os cavaleiros do Apocalipse?



  • Pergunta de Marlene, Cruz Machado / PR
  • 21688
  • 28/12/2012
Odalberto Domingos Casonatto

Leia mais sobre Apocalipse |


Olá Marlene de Cruz Machado / PR!
Encontramos a descrição dos quatro cavaleiros do Apocalipse nos capítulos 6-9 do livro do Apocalipse e formam um todo único. A narrativa nos conta que na medida em que o Cordeiro vai tirando os selos do livro (6-8,1) e que as trombetas ressoam (8,2-9) os acontecimentos que descrevem a queda do Império Romano vão sendo descritos. O império Romano é a figura do inimigo de Deus. A descrição dos quatro cavaleiros que aqui aparecem vem de inspiração Antigo Testamentária do livro de (Zacarias 1,8-10 e 6,1-3). Mais ainda estes quatro cavaleiros simbolizam as quatro pragas que a literatura profética ameaçava Israel, Povo de Deus: seriam as feras, fome, guerras pestes etc.

Vejamos a descrição do Cordeiro abrindo os selos e a presença dos quatro cavaleiros em Apocalipse 6,1-8:

“6, 1 E vi quando o Cordeiro abriu um dos sete selos, e ouvi um dos quatro seres viventes dizer numa voz como de trovão: Vem!
Olhei, e eis um cavalo branco; e o que estava montado nele tinha um arco; e foi-lhe dada uma coroa, e saiu vencendo, e para vencer.
Quando ele abriu o segundo selo, ouvi o segundo ser vivente dizer: Vem!
E saiu outro cavalo, um cavalo vermelho; e ao que estava montado nele foi dado que tirasse a paz da terra, de modo que os homens se matassem uns aos outros; e foi-lhe dada uma grande espada.
Quando abriu o terceiro selo, ouvi o terceiro ser vivente dizer: Vem! E olhei, e eis um cavalo preto; e o que estava montado nele tinha uma balança na mão.
E ouvi como que uma voz no meio dos quatro seres viventes, que dizia: Um queniz de trigo por um denário, e três quenizes de cevada por um denário; e não danifiques o azeite e o vinho.
Quando abriu o quarto selo, ouvi a voz do quarto ser vivente dizer: Vem!
E olhei, e eis um cavalo amarelo, e o que estava montado nele chamava-se Morte; e o inferno seguia com ele; e foi-lhe dada autoridade sobre a quarta parte da terra, para matar com a espada, e com a fome, e com a peste, e com as feras da terra.” (Apocalipse 6,1-8) Bíblia Almeida.

Jesus abre o primeiro selo e Ele começa a julgar a história do passado desde o ano de 33 d.C. até o fim. No primeiro selo temos o símbolo do cavalo branco. O cavalo significa o poder do exército que arrasa. Mas também o branco trás o simbolismo da vitória. O simbolismo docavaleiro trazendo na mão um arco invoca a invasão dos Partos, que usavam esta ferramenta de guerra, eles invadiram a Jerusalém e a Palestina em 40- 38 a.C. No simbolismo do primeiro cavaleiro esta escondido a ganância presente na História. A luta pelo poder, para se sobrepor aos inimigos.

O segundo cavaleiro vem montado em um cavalo vermelho, significando as guerras e matanças. O cavaleiro com sua espada tira a paz terra e faz com que os homens se matem entre si. Lembra a inúmeras revoltas populares contra os romanos na Palestina no período de 63 a. C. A espada é o símbolo do Poder Romano que imagina a paz romana vinda pela guerra.

O terceiro cavaleiro vem vestido de preto, com o significado da morte, carestia fome, que estava assolando o povo de Deus. Era um povo explorado pelos altos impostos cobrados pelos romanos, as constantes guerras, a fome devida a falta de produção e o extermínio dos campos. As propriedades que ainda produziam oliveiras, uvas e trigo, forneciam estes alimentos para o império. Enquanto alguns se fartavam na abundância outros morriam de fome.

Aparece no texto o quarto cavaleiro montado em um cavalo esverdeado. Esta cor é dos cadáveres, da morte. Tudo isto advindo por causa da guerra, das pestes, epidemias e doenças. O cerco de Jerusalém pela X Legião Romano causou uma catástrofe ao Povo de Deus. A população tornou-se fraca, desnutrida, as mortes causavam epidemias, fome e doenças contagiosas.

Mensagem de esperança do livro do apocalipse
Estas imagens nos lembram que existe uma esperança, devemos sempre olhar para frente. Não somos reféns das desgraças, ou que se conformemos com as injustiças estabelecidas pelo Império Romano. O texto nos diz que tudo isto não ficará impune, Deus virá em socorro de seu povo. Jesus Cristo penetrará nestes fatos e acontecimentos e irá julgá-los, mostrará que existe uma saída...o livro do Apocalipse vai descrevendo a caminhada para a vitória final.

21688 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook