Uma janela sobre o mundo bíblico

O que os varões de Sodoma queriam fazer com os anjos em Gênesis 19, 4-5?



  • Pergunta de Jaime Antônio Dias, São Paulo / SP
  • 44006
  • 30/12/2012
Odalberto Domingos Casonatto

Leia mais sobre Sodoma e Gomorra | |


Olá Jaime Antonio Dias de São Paulo!
Como respondi há pouco uma pergunta que envolvia tal assunto estou na obrigação de responder esta, pois dediquei um bom tempo de pesquisa e foi assunto de conversa com vários amigos sobre este tema. Hoje com a divulgação escancarada do homossexualismo, etc.. se torna assunto polèmico e qualquer palavra que for dita será maldosamente interpretada.

Sem querer criar controvérsia, que não é objeto da resposta, simplesmente coloco o que a Bíblia, palavra de Deus diz a respeito. Aceitar esta orientação ou não, interpretá-la bem ou tirar conclusões errôneas dependerá do leitor.

O texto de Gênesis 19,4-5 é claro, passemos a leitura:

“Eles não tinham ainda deitado, quando a casa foi cercada pelos homens da cidade, os homens de Sodoma, desde os jovens até os velhos, todo o povo sem exceção. Chamaram Ló e lhe disseram: “Onde estão os homens que vieram para tua casa esta noite? Traze-os, para que deles abusemos”. (Gênesis 19,4-5) Bíblia de Jerusalém.

A palavra bíblica é de fácil compreensão e não necessita de maiores explicações. O que os moradores de Sodoma queriam fazer era repetir a prática que faziam normalmente em sua cidade, aos olhos de Deus era um vício contra a natureza, e que a partir deste relato recebe este nome. O desfecho do episódio acabou com a destruição de Sodoma e Gomorra.  A prática deste costume era abominável aos Israelitas (conf. Lv 18,22-23).

22 Não te deitarás com um homem como se deita com uma mulher. É uma abominação. 23 Não te deitarás com um animal algum; tornar-te-ias impuro. A mulher não se entregará a um animal para se ajuntar com ele. Isto é uma impureza.” (Levítico 18,22-23)  Bíblia de Jerusalém.

Tais praticas eram punidas conforme as leis de Israel com a morte: Levítico 20,13:

“13 O homem que se deita com outro homem como se fosse uma mulher, ambos cometeram uma abominação, deverão morrer, e o seu sangue cairá sobre eles” (livro do Levítico 20,13) Bíblia de Jerusalém.

Israel tomara contato com outras nações que tinham estas praticas sexual, e Deus alertava ao seu povo em evitar: vejamos o texto de Levítico 20,23.

“23 Não seguireis as leis das nações que eu expulso diante de vós, pois elas praticam todas estas coisas e, por isso, me aborreci delas.” (Livro do Levítico 20,23) Bíblia de Jerusalém.

Também fato semelhante à história de Ló em Gn 19,1-11, é narrada em Juízes 19,22ss, onde um levita e seus servos se hospedam na casa de um velho efraimita. O texto lembra o episódio de Ló vejamos:

“Então ele o fez entrar na sua casa e deu forragem aos jumentos. Os viajantes lavaram os pés e depois comeram e beberam. 22 Enquanto assim se reanimavam, eis que surgem alguns vagabundos da cidade, fazendo tumulto ao redor da casa e, batendo na porta com golpes seguidos, diziam ao velho, dono da casa: “Faze sair o homem que está contigo, para que o conheçamos.” 23 Então o dono da casa saiu e lhes disse: “Não irmãos meus, rogo-vos, não pratiqueis tal crime. Uma vez que este homem entrou em minha casa, não pratiqueis tal infâmia.” (livro dos Juízes 19, 21-23) Bíblia de Jerusalém.

Assim o texto Bíblico Antigo Testamentário dos livros de Gênesis, Levítico e Número, nos mostra qual é o designo de Deus com respeito às relações sexuais de seus filhos. O que é considerado correto e verdadeiro e aquilo que são desvios contra a natureza.

44006 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook