Uma janela sobre o mundo bíblico

Como explicar a estátua de sal , ela a mulher de Ló virou de fato uma estátua, literalmente?



  • Pergunta de Adriel, Tanabi - SP
  • 98438
  • 07/06/2013
Odalberto Domingos Casonatto

Leia mais sobre |


Olá Adriel de Tanabi / SP

Na pergunta aparecem duas questões que você está na dúvida. Para a primeira podemos dizer isto. Para quem visita Israel, no local que se considera ter sido Sodoma e Gomorra destruídas pelo fogo, (na região Sul do mar morto), aparecem muitas montanhas de sal, a concentração de sal do Mar Morto e muito grande. Estas montanhas de sal tem as mais variadas formas. Entre elas tem uma que os guias turísticos indicam como sendo a da mulher de Ló que olhou para trás e virou estatua de sal. (Aqui no Brasil temos muitas rochas que tem formas conhecidas e recebem por este motivo apelidos. Em Vila Velha, no Paraná, encontramos estas rochas, a mais conhecida tem a forma de um cálice). Penso que mais do que querer saber o lugar exato onde estava Sodoma e Gomorra ou onde esta a estatua de sal, o que permanece para nós é o ensinamento bíblico que é surpreendente.

 

Imagem: Estatua de Sal - mulher de Ló - Sul do Mar Morto

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para a segunda questão a dúvida esta na interpretação literal do episódio. Respondo seguindo o mesmo critério do anterior, o que vale é o ensinamento. Muitos leem a Bíblia e acreditam piamente na interpretação literal. A estatua de Sal (figura da mulher de Ló) interpretada literalmente passa a ser concreta e verdadeira. Os que assim interpretam até indicam a rocha de sal que tem a forma da mulher de Lot.

Tal interpretação literal do episódio da estatua de Sal para um grupo de leitores da Bíblia é simplesmente querer forçar o texto. Sem desmerecer a interpretação daqueles que literalmente interpretam o episódio, sou mais favorável que se olhe a globalidade do ensinamento divino no fato. O que Deus quer que façamos hoje numa situação com semelhanças a de Ló? Assim é melhor entender: que uma vez abraçando a causa de Deus não podemos olhar para trás, voltar ao passado, lamentar-se constantemente do que era melhor anteriormente. Na história do Povo de Israel este ensinamento se repete constantemente, o povo foge do Egito e no caminho do deserto na volta a terra da Promessa reclama com Moisés em relação às condições de vida no deserto. E afirmam que no Egito tudo era melhor, carne em abundância, água, boa alimentarão e até as cebolas do Egito são lembradas e que segundo eles, “eram melhores do que aquelas do deserto”. Mas não falam que eram escravos subjugados por um povo estrangeiro, e que cultuava outros deuses e não Iahweh.

Imagem: Mulher de Ló vira para trás e torna-se uma estatua de Sal.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Entendemos que a destruição de Sodoma e Gomorra pelo fogo e o salvamento da família de Ló indicam com é realizada a justiça divina. Deus está sempre pronto para salvar o justo e castigar o mau, aquele que o despreza. O episódio da mulher de Ló que se transforma em estatua de sal lembra a Abraão e sua descendência que não tiramos nenhuma vantagem desobedecendo a Palavra de Deus.

98438 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook