Uma janela sobre o mundo bíblico

Porque Mateus Marcos Lucas e João são chamados de evangelho? Qual a diferença entre eles.



  • Pergunta de Jozelia Pires das Silva , Vitória da Conquista / BA
  • 81659
  • 07/07/2013
Odalberto Domingos Casonatto

Leia mais sobre Evangelho |


Olá Jozelia Pires da Silva de Vitóra da Conquista / BA!

No Novo Testamento encontram os quatro evangelhos, que foram escolhidos para formar o Novo Testamento por serem os mais representativos para as comunidades cristãs espalhadas no Império Romano. Desde o início sempre se preferiu falar em “evangelho” no singular, mesmo quando ele queria expressar os livros (4 evangelhos). Era assim designado porque eles traziam o mesmo “alegre anúncio” proclamado por “Jesus Cristo o filho de Deus” e que era divulgado oralmente nas comunidades nascentes. Mais adiante é que foi usado o nome de cada evangelista para indicar os quatro livros: Evangelho segundo Mateus, Evangelho segundo Marcos, Evangelho segundo  Lucas e Evangelho segundo João. A mensagem era indivisa, mas chamavam atenção para a forma particular de cada autor, os coloridos que cada um deu ao texto. Salientou-se o conteúdo valorizado por todos os evangelistas, a forma de apresentação o uso da língua etc.., então a partir deste momento começou-se falar em evangelho no plural.

Os evangelhos são quatro: Mateus, Marcos, Lucas e João. A particularidade dos evangelhos é que falam expressamente de Jesus, dos seus ensinamentos e atividades. Por outro lado a intenção deles não é escrever uma biografia, no sentido moderno da palavra. Cada um tem, com destinatários específicos, a meta de enfatizar certos aspectos da vida de Cristo, transmitindo sua mensagem.

 

O que os evangelistas destacam da vida de Jesus:

 

De modo sucinto podemos destacar:

  • Mateus enfatiza as profecias, pois querem transmitir aos judeus que Jesus é o Messias prometido.
  • Marcos, provavelmente o mais antigo, coloca a ênfase nas ações de Jesus e seu público pode ter sido os romanos.
  • Lucas, escrito para os não-judeus, os gentios, sublinha a misericórdia divina, demonstrada através da salvação trazida por Cristo especialmente para os excluídos.
  • João é muito mais teológico, tendo sido escrito para os convertidos. Foi o último evangelho (escrito por volta do ano 100 depois de Cristo) e não repete muitas coisas já conhecidas pelos cristãos graças aos outros evangelhos.

Em relação aos autores, Mateus e João conviveram com Cristo, pois eram apóstolos. Marcos era um discípulo de Paulo. Lucas era companheiro de Paulo e escreveu também o Atos dos Apóstolos.

 

Quantos as diferenças entre eles podemos ainda salientar a época em que foram escritos: Marcos foi o primeiro em 64 d.C; Mateus em 75/80 dC.; Lucas 80 dC; e João 95 d.C. O momento político da época de cada um torna o texto diferente entre um e outro.

 

Outro aspecto importante que caracteriza as diferenças entre eles são o tipo de comunidades e local no Império Romano.

O Evangelho de Marcos foi escrito em Roma para os gentios em particular os pagãos do mundo Romano

O Evangelho de Mateus foi escrito em Jerusalém para cristãos vindos do Judaísmo.

O Evangelho de Lucas foi escrito em Antioquia para cristãos de cultura helênica das comunidades paulinas

O Evangelho de João foi escrito em Éfeso para cristão vindo do mundo grego romano.

 

Em conclusão:

 

A partir da apresentação dos evangelhos Jesus não é somente o anúncio, mas ele é o primeiro que divulga e apresenta o Evangelho. Jesus se auto apresenta como “o evangelho de Deus”, em outras palavras a “boa nova” que Deus apresenta ao mundo através dele seu filho. A Lei e os Profetas do Antigo Testamento chegaram até o anúncio de João Batista. A partir do Batismo de Jesus por João é anunciado a Boa Nova do Reino de Céus, e todos se esforçam a ele pertencer mesmo com violência. (Lc 16,16).

Notas:

LANCELOTTI, Angelo, BATTAGLIA, Oscar, O evangelho e a crítica moderna, Introdução, coleção O evangelho hoje , vol. I, edição portuguesa de Ludovico Garmus, Editora Vozes, Petrópolis, pág. 13ss.

81659 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook