Uma janela sobre o mundo bíblico

Gostaria de saber quando começou o Cativeiro Babilônico com o Povo de Israel?



  • Pergunta de Allyne Simara, Santo Antônio / RN
  • 36103
  • 19/07/2013
Odalberto Domingos Casonatto

Olá Allyne Simara, de Santo Antonio / RN!

 Este acontecimento que marcou a História de Israel teve seu início com a primeira deportação em 598 a. C. O cativeiro da Babilônia, também considerado como Exílio, é a deportação em massa dos hebreus do Antigo Reino de Judá transferidos para a Babilônia, pelo Rei Nabucodonosor. As deportações dos povos conquistados era uma estratégia de guerra muito comum na época fazendo com que os exilados se desarticulassem e não causassem mais problemas de rebeldia. Foi assim que permaneceram no Reino de Judá apenas os velhos, aleijados e inúteis. Neste período Deus se utiliza de profetas como: Jeremias, Ezequiel e Daniel. A primeira deportação para a Babilônia acontece no ano de 598 a.C. e o Rei Joaquim de Jerusalém se rendeu voluntariamente. Em 587 a.C. acontece a segunda deportação em consequência da revolta de Judá e Jerusalém é tomada, destruída completamente por Nabucodonosor. Os historiadores confirmam que o cativeiro termina em 538 a.C. no primeiro ano do reinado de Ciro II, Rei da Pérsia, conquistando a cidade de Babilônia em 539 a.C. Ciro emite um decreto e autoriza o retorno dos hebreus para sua terra e permite a reconstruir o Templo de Jerusalém. Este episódio é chamado de cativeiro babilônico pela Bíblia, ele é datado pela maioria dos estudiosos e historiadores como um período de 50 anos que ali os hebreus permaneceram.

Imagem: Destruição de Jerusalém e início do Exílio para Babilônia.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Imagem: Mapa dos Impérios da época do Exílio

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte:

MEDEIROS, José M., Panorama da História da Bíblia, Paulinas, São Paulo, 1987.

36103 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook