Uma janela sobre o mundo bíblico

Por que hoje o evangelho é ministrado por estudos e não pelo sentimento espiritual de Deus? Ou seja, os homens preparam um discurso e depois o levam para o povo. Não seria mais claro pregar pelo sentimento de Deus do que pregar pelo sentimento da escolha dos homens. Eu vejo hoje o evangelho como forma de ganhar dinheiro e fama nos púlpitos das igrejas. Por que isso? Por que para ser pregador tem que ter faculdades? Pois está escrito que o espirito santo nos ensina toda a verdade...



  • Pergunta de Josival Soares de Oliveira, São José do Rio Preto
  • 3570
  • 15/05/2014
Luiz da Rosa

Leia mais sobre Estudo da Bíblia |


Acredito que a sua reflexão é muito pertinente, nos faz pensar, sendo uma pergunta que tantas pessoas gostariam de fazer.

Do meu ponto de vista, quanto mais se estuda a Bíblia, mais existe possibilidade de entender sua mensagem. É óbvio que não é um estudo árido, movido pela simples fome de saber. Tem que ser um estudo motivado pela fé, umedecido pela oração e pela vontade de encontro com Deus que se revela através da Palavra.

Por outro lado, há pessoas que não têm nenhum estudo da Bíblia e conseguem entender certas mensagens que escapam da percepção dos estudiosos. De fato, a palavra de Deus é dinâmica e tem força própria, iluminando o caminho de todos que se aproximam dela.

Do púlpito

Alguém que toma a palavra diante de uma assembleia tem que ser preparado. Há muitos que tem o dom natural da pregação. Esses podem falar com ênfase, mas nem sempre são fiéis à mensagem divina. É importante saber o que se está falando, preparar o discurso, ter um raciocínio lógico. Isso significa respeito pela plateia.

É claro que o tipo de estudo pode variar muito, dependendo da necessidade. Se você quer ensinar grande público, quer formar líderes, é fundamental conhecer profundamente os conteúdos que deseja transmitir. Se invés quer refletir a palavra de Deus com os amigos, num círculo bíblico, basta ler com atenção o texto e tirar uma mensagem para a vida.

Há diversos níveis de entendimento. Um não exclui o outro!

Tudo, repito, deve ser alimentado pela fé, pelo desejo de uma fé que busca entender. Se por trás não existe essa atitude, se existe alguma coisa mais, como a ganância pela fama ou dinheiro, a leitura e explicação são vãs.

3570 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook