Uma janela sobre o mundo bíblico

O que é o jejum?



  • Pergunta de Milton, Camaquã / RS
  • 2223
  • 14/06/2014
Odalberto Domingos Casonatto

Leia mais sobre Jejum |


Olá Milton de Camaquã / RS!

O jejum é uma das praticas religiosas que encontramos em todas as denominações religiosas. Desde o chamado tempo de “Ramadan” em que os muçulmanos observam a risca o jejum diário até as práticas da igreja católica do jejum durante o tempo de quaresma como forma de preparação da festa da Páscoa. Encontramos as práticas de jejum até nos grupos de contestação ou reivindicações que fazem greves de fome. Assim falar em jejum é muito amplo, precisaríamos muito tempo e envolveriam muitos assuntos que se tornariam cansativos a quem tem presa em obter uma informação rápida. Restrinjo a resposta a prática de jejum e sua compreensão que vem da teologia da Igreja Católica.

Os católicos e o Jejum .

Os católicos atualmente praticam o jejum durante o tempo de quaresma. Quaresma é o período de jejum e conversão que os católicos tradicionalmente observam A duração do jejum da quaresma foi estabelecida no século IV de 40 dias de duração. Tempo que vai da quarta feira de Cinzas até a Páscoa. Durante este período, os participantes comem muito pouco, ou simplesmente deixam de comer algum tipo de comida (caso carne vermelha é substituída por carne de peixe na sexta feira) ou deixam de praticar alguma ação habitual. A quaresma inicia na quarta-feira de cinzas com um forte apelo ao jejum, a oração e a abstinência de carne como uma forma de os católicos lembrarem-se do arrependimento de seus pecados imitando o exemplo das pessoas do Antigo Testamento, que usavam vestes de panos de saco, cinzas na cabeça e jejum (Ester 4,1-3; Jeremias 6,26; Daniel 9,3; Mateus 11,21).

O que o Novo Testamento fala do Jejum.

Atestando com o Novo Testamento estes atos de Jejum e arrependimentos devem ser praticados de forma que não atraiam atenções sobre os que praticam o jejum. Vejamos o texto de Mateus 6,16-18:

“E, quando jejuardes, não tomeis um ar sombrio  como fazem os hipócritas; pois desfiguram o rosto, para que  seu jejum seja prcebido pelos homens. Em verdade vos digo:  já receberam o seu recompensa. Tu, porém, quando jejuares, unge a cabeça, e lava o  rosto, Para que os homens não percebeam que estás jejuando , mas apenas o teu Pai, que está pfresente em  segredo; e teu Pai, que vê o que está oculto, te recompensará ” (Mateus 6,16-18). Bíblia de Jerusalém.

Concluindo:

Devemos estar atentos que as “práticas quaresmais” (jejum, esmola e oração) não se resumam nos 40 dias da quaresma, mas tenha a duração do ano inteiro. É um costume muito antigo, e que em muitas famílias existe esta prática, na sexta feira a carne ser de peixe e se praticar o jejum. Dia que lembra a morte de Jesus e a nossa salvação. Existe uma nova tendência na prática do jejum, com o surgimento da Campanha da Fraternidade, (no tempo de quaresma) que a cada ano debate um tema específico e direciona a ajuda material a grupos necessitados, vindo estes recursos da pratica do jejum e da abstinência de carne.

2223 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook