Uma janela sobre o mundo bíblico

Quem eram, de onde vieram os descendentes de uma raça de gigantes chamados anaquins (Números 13,22-28 e Deteuronômio 1,28 e 2,10)?



  • Pergunta de Miguel João Gava Júnior, Marataízes - ES
  • 54470
  • 22/10/2014
Luiz da Rosa

Leia mais sobre Gigantes |


As passagens que você menciona  falam dos exploradores enviados por Moisés para sondar a terra de Canaã, a Terra Prometida. Esses exploradores, em Números 13, voltando da exploração contaram a Moisés:

Na verdade é terra onde mana leite e mel (...). Contudo, o povo que a habita é poderoso; as cidades são fortificadas, muito grandes; também vimos ali os filhos de Enac (Números 13, 27-18).

Um pouco mais adiante há uma discussão entre os exploradores. Caleb diz que os hebreus devem marchar contra o povo daquela terra, invés outros, com medo, dizem:

A terra que fomos explorar é terra que devora os seus habitantes. Todos aqueles que lá vimos são homens de grande estatura. Lá também vimos gigantes (os filhos de Enac, descendência de gigantes). Tínhamos impressão de sermos gafanhotos diante deles e assim também lhes parecíamos (Números 13,32-33).

Eram gigantes?

Os filhos de Enac (enacim/enaquins em Deuteronômio) tinham fama de terem "pescoços cumpridos". Eram sem dúvida de estatura maior do que o povo dos hebreus, tanto que impressionaram os exploradores. Mas precisamos também relativisar esse aspecto na narração do autor. Ele está preparando o terreno para contar a conquista da terra. Os hebreus não vão lutar com qualquer povo, mas com um povo de poderosos, com "gigantes". Na verdade eram pessoas normais, quem sabe só um pouco mais altas. Com certeza não eram "monstros" ou "gigantes" como poderíamos imaginar.

54470 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook