Uma janela sobre o mundo bíblico

Calvinismo ou Arminianismo: Qual destas duas doutrinas está correta sobre a predestinação? Qual dessas é bíblica?



  • Pergunta de Gabriel Nunes, São Luís do Maranhão
  • 3725
  • 11/03/2015
Luiz da Rosa

Leia mais sobre Destino - Predestinação |


Em relação à Bíblia, como diz Paulo, existe apenas uma predestinação: Deus nos predestinou para sermos seus filhos adotivos por Jesus Cristo (Efésios 1,5). É uma graça que não depende de nós, mas que recebemos por natureza. Assim como, sem ter escolhido, somos filhos de uma determinada família, também, sem a nossa escolha, fomos adotados por Deus. Todas as outras supostas predistanações não existem!

Não sou um profundo conhecedor da teologia de Calvino, mas não posso concordar com a ideia comum que temos de Calvino, que sublinhava que Deus reservou a salvação somente para alguns, predestinados desde sempre, independente de qualquer merecimento pessoal. Nesse sentido Cristo teria morrido somente para esses escolhidos. Isso contrasta evidentemente com as palavras bíblicas que diz que Cristo morreu por todos (veja Romanos 8,32; 2Coríntios 5,14).

O meu conhecimento sobre o arminianismo é ainda mais limitado. Se lembro bem, Armínio, Reformador da Holanda, coloca mais ênfase sobre a liberdade humana, sublinhando o livre arbítrio.

Como já tive oportunidade de dizer aqui no site, falando sobre destino, o ser humano é criado por Deus com uma característica fundamental: a liberdade. É claro que, como disse Agostinho, o nosso coração não repousa em paz enquanto não encontra Deus. Portando, existe uma necessidade natural de ir em direção de Deus - condição para a felicidade verdadeira, mas isso não impede que alguém decida de rejeitar essa natureza. Destino não existe: existe decisões que fazemos na vida que nos conduzem ou nos afastam de Deus.

3725 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook