Uma janela sobre o mundo bíblico

Onde se encontra a passagem "a primeira coisa que Deus criou foi a sabedoria"?



  • Pergunta de Waldir Andre Rosano, Vargem Grande Paulista
  • 4666
  • 10/04/2015
Luiz da Rosa

Leia mais sobre Sabedoria |


Veja em Provérbios 8, principalmente a partir do versículo 22:

22. Iahweh me criou, no início de sua atividade, de seus feitos mais antigos.
23. Desde a eternidade fui estabelecida, desde o princípio, antes da origem da terra.
24. Quando os abismos não existiam, eu fui gerada, quando não existiam, os mananciais das águas.
25. Antes que as montanhas fossem implantadas, antes das colinas, eu fui gerada.

 

Pistas para a interpretação

Há duas afirmações que podemos tomar em consideração: a sabedoria foi criada por Deus e é anterior a qualquer outra obra criada.

Nos versículos 22-23 a Sabedoria afirma que foi "criada" por Yahweh. O verbo hebraico usado é qanah, que tem dois sentidos: criar e adquirir. Provavelmente não se trata de criação, mas de alcançar a posse. A sabedoria foi criada por Deus "no início da sua atividade". O termo "atividade", em hebraico, é "Derek" (caminho) e indica o trabalho realizado por Deus na criação. A sabedoria diz também que foi constituída desde a eternidade ('olam), isto é, num tempo muito antigo, incalculável, antes que a terra tivesse origem. Isso é confirmado pelo versículo 25, quando ela afirma que é anterior a qualquer obra divina.

Para entender o amensagem desse livro, tenhamos presente que as reflexões são colocadas na boca do Mestre, o qual fala com os discípulos, aos quais chama de "filhos", dando instruções a eles para uma vida sábia. O capítulo 8, invés, não é mais o mestre que fala, mas a própria sabedoria. Ela não é mais um atribuição de Deus, mas assume uma consistência autônoma, apresentando-se como uma "pessoa", como um guia e mestre para a vida. Ela não se apresenta como uma divindade (alguns dizem que se parece com Maat, deusa egípcia) e nem uma coisa autônoma. Trata-se, na verdade, de uma figura literária que representa o mestre ideal, o mesmo que nos outros capítulos do livro se dirige aos discípulos como a um filho.

A Sabedoria é a personificação de uma atribuição divina. O objetivo desse recurso literário é mostrar a presença de Deus transcendente no mundo, do mesmo modo que na Bíblia em outros momentos se usam outras imagens: anjo de Yahweh, o Espírito, a Palavra, a Shekinah.

Portanto, a Sabedoria não é um modelo que Deus tem em mente, mas é o próprio Deus enquanto age no mundo e chama cada pessoa à comunhão consigo.

4666 visitas



Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook