Uma janela sobre o mundo bíblico

Como interpretar I Timóteo 6,5 "Perversas contendas de homens corruptos de entendimento, e privados da verdade, cuidando que a piedade seja causa de ganho; aparta-te dos tais."



  • Pergunta de Ermógenes, Petrolândia / PE
  • 3186
  • 21/06/2015
Odalberto Domingos Casonatto

Olá Ermógenes de Petrolândia / PE!

Olhando o conjunto do capítulo 6 é mais fácil entende o versículo 5. A preocupação de Paulo é sua insistência em manter a fidelidade a tradição. A fé é entendida como uma doutrina que não está disposição e ao gosto de cada um. Paulo exorta ao responsável da comunidade que cultive uma atitude de respeito e humildade, pois recebeu um tesouro inigualável e que deve ser transmitido aos outros que estão aos seus cuidados . A soberba afasta dos valores Cristo.

O escrito denuncia alguns desvios como:

- Pessoas que utilizam uma infinidade de palavras em vez de ater-se ao essencial e aprofundar a fé.

- substituem o seguimento a palavra de Deus em suas vida e passam a criticar e julgar a fé e confrontá-la com aquilo que o homem quer e não com auilo  que Deus quer.

O texto fala duas vezes de dinheiro. Ocorrendo que passados os primeiros tempos de entusiasmo evangélico, as pessoas passam a desprezar a verdadeira doutrina e começam a amar o dinheiro a ser ganho.

O que se constata é que a ganância pelo dinheiro faz com que se perca a confiança em Deus, confiando nas próprias possibilidades afastando-se dos demais.

O rico busca a Deus pela oração verdadeira e compartilha sua vida com os demais membros da comunidade.

Concluindo:

O anunciador da palavra de Deus, tem o direto de viver do seu trabalho, mas não lucrar a partir de seu trabalho de evangelização, acumulando riquezas. Vive de seu trabalho de evangelizador, mas de nenhuma forma deve fazer um comércio de seu ministério (1 Tit 1,11). Os falsos doutores ou anunciadores  fazem do comércio da piedade, um comércio sujo, falsificando a verdade do evangelho de Jesus.

3186 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook