Uma janela sobre o mundo bíblico

Explicar os conceitos de Alegoria e Parábola. O que é comum e o que é diferente entre as duas?



  • Pergunta de José Lorenzo, Maringá / PR
  • 12592
  • 29/06/2015
Odalberto Domingos Casonatto

Leia mais sobre Parábolas |


A compreensão destes dois gêneros literários que aparecem na Bíblia é importante para podermos entender a mensagem das Parábolas de Jesus.

 

As Parábolas

As Parábolas como temos conhecimento é um gênero literário de uso muito comum no judaísmo e na literartura rabínica, na explicação da doutrina.

As Parábolas guardam o gênero literário e o método que Jesus usou com freqüência no anuncio do evangelho. A parábola tem como característica fundamental um só ponto de comparação.

Jesus usa em seu discurso varias Parábolas com finalidades diferentes.

  • Em determinado momento Jesus apresenta uma parábola para criticar a interpretação da lei, para criticar a falsa imagem de Deus e do seu Reino. Isto acontece seguido no discurso dirigido aos fariseus, seus opositores.
  •  Para mostrar a vinda eminente do Reino de Deus. As Parábolas com sentido escatológico.
  • Para mostras a seus ouvintes qual é a verdadeira imagem de Deus.

 

A alegoria

A alegoria ao contrário faz na narrativa do texto muitas comparações. Podemos dizer que na alegoria todos os termos tem um a comparação.

 

Os elementos nas Parábolas e Alegorias

As Parábolas vem da literatura judaica, e são típicas da cultura agrária. Jesus fala da semente, do semeador, da pesca, da rede, do grão de mostarda, da colheita da vinha etc.

O desenvolvimento da Parábola é simples e de fácil compreensão e assimilação.

A interpretação do ensinamento que a Parábola quer transmitir pertence ao ouvinte. Em sua mente deverá acontecer um “estalo” e a compreensão é imediata. No discurso de Jesus com as Parábolas a vida do dia a dia dos camponeses passa ser lugar de reflexão e da experiência com Deus.

 

A natureza da Alegoria

A alegoria é um gênero literário diferente da Parábola pertence a literatura grega, utiliza a alegorização das imagem diferente do contexto palestinense.

Se na Parábola a comparação é de uma única idéia, a alegoria é uma comparação continuada contendo diferentes elementos. Podemos dizer que a alegoria é uma metáfora continuada. As alegorias passam a fazer comparações com cada termo do texto. Lembramos a alegoria dos vinhateiros, que transmite no texto uma alegoria da vida de Jesus, da a conhecer a história da salvação.

Nas alegorias até os personagens recebem comparações: ex: o dono casa vira rei.

12592 visitas


A resposta dos autores do site se encontra aqui acima.
Eventuais comentérios postados abaixo, via FaceBook, não representam o nosso parecer,
mas são de exclusiva responsabilidade dos seus autores.


Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook