Uma janela sobre o mundo bíblico

O que significa a expressão pisar o lagar em Ap 14,20?



  • Pergunta de Luiza Rodrigues da Ponte, Duque de Caxias - RJ
  • 5957
  • 30/09/2015
Odalberto Domingos Casonatto

Leia mais sobre Apocalipse |


Olá Luiza Rodrigues da Ponte de Duque de Caxias - RJ!

Iniciemos a resposta de sua pergunta olhando Apocalipse 14,20, assim está:

“20 O lagar foi pisado fora da cidade, e dele saiu sangue até chegar aos freios dos cavalos, numa extensão de mil e seiscentos estádios.”(Apocalipse 14,200 Bíblia de Jerusalém.

Do conjunto dos ensinamentos do versículo 20 focamos a pergunta “pisar o lagar” seu significado?

O auxílio na compreensão desta passagem vem do livro de Isaías 63,1-6, que fala do julgamento dos povos. Este texto em sentido apocalíptico mostra Iahweh como vinhateiro e suas vestimentas se mancharam com os respingos de sangue, causados pelo pisar as uvas do lagar. As pessoas que Iahweh pisa no lagar são os povos inimigos de Israel, no caso deste texto de Isaías, entretanto no Apocalipse, ganham a imagem daqueles que não aceitam a mensagem de Jesus e prestam culto a Besta fera.. Vejamos o texto de Isaias 6,1-6:

1Quem é este, que vem de Edom, de Bozra, com vestiduras tintas de escarlate? este que é glorioso no seu traje, que marcha na plenitude da sua força? Sou eu, que falo em justiça, poderoso para salvar. 2Por que está vermelha a tua vestidura, e as tuas vestes como as daquele que pisa no lagar? 3Eu sozinho pisei no lagar, e dos povos ninguém houve comigo; eu os pisei na minha ira, e os esmaguei no meu furor, e o seu sangue salpicou as minhas vestes, e manchei toda a minha vestidura. 4Porque o dia da vingança estava no meu coração, e o ano dos meus remidos é chegado. 5Olhei, mas não havia quem me ajudasse; e admirei-me de não haver quem me sustivesse; pelo que o meu próprio braço me trouxe a vitória; e o meu furor é que me susteve. 6Pisei os povos na minha ira, e os embriaguei no meu furor; e derramei sobre a terra o seu sangue.”(Isaías 6,1-6) Bíblia Almeida.

Completando: O termo fora da cidade (v.14,20)

A cidade santa deveria ser preservada de tudo o que contaminasse. Por isso o lagar e o julgamento dos que rejeitam a Deus se dá fora da cidade. Neste caso no vale de Josafá não muito longe dos muros de Jerusalém.

Como entender: “E correu sangue do lagar até aos freios dos cavalos, numa extensão de mil e seiscentos estádios”.

Querer interpretar literalmente os símbolos do Apocalipsenos coloca em grande dificuldade.

Os milenaristas ligam este versículo com as interpretações de Armagedom (16,16) uma batalha incrivelmente sangrenta.

Como entender um rio de sangue da altura dos freios dos cavalos em uma distância de quase 300 quilômetros! Teríamos uma batalha com bilhões de mortos!

Quem procura interpretar literal, como explica o sangue sendo exprimido de uvas?

Mais uma vez chegamos a um ponto de que as interpretações literais só dificultam, a interpretação do Apocalipse.

Assim a compreensão de rio de sangue quer indicar um castigo de proporções enormes, atingindo um número grande de pessoas más. O número 1.600 sugere um número completo representando o mundo.

Quatro é o número do mundo ou da terra (quatro cantos, quatro ventos, quatro pontos cardeais, etc.). Quatro vezes quatro vezes mil (número completo) representa, a totalidade dos maus punidos pelo Senhor.

Concluindo:

A mensagem nos diz que devemos manter a confiança no Senhor. Ele sabe tudo, e castigará os maus que perseguem seus servos. Cena após cena, os servos de Deus anunciam a vitória Divina, trazendo o merecido castigo sobre os perversos. Serão pisados no lagar fora da cidade...

5957 visitas



Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook