Uma janela sobre o mundo bíblico

Por que Gideão lutou com apenas 300 homens?



  • Pergunta de Assis, Cascavel - PR
  • 5597
  • 03/02/2016
Odalberto Domingos Casonatto

Leia mais sobre Josué |


Olá Assis de Cascavel - PR!

O pequeno exército de Gideão, 300 homens diante dos Midianitas com 135.000 mil soldados na média de 1 para 450 soldados tornou-se vitorioso, com a ajuda de Iahweh. Deus quer que Israel aprenda que Ele é o verdadeiro Deus, que protege seus filhos e não deixa cair na desgraça.

Assim Deus prepara seu Povo:

Deus acolhe o arrependimento do povo, e resolve salvá-lo de um modo incomum. Deus escolhe um homem tímido chamado Gideão, de família pobre e insignificante da tribo de Manassés. Deus converteu Gideão, dando autoridade e poder divino. Em seguida, Gideão destrui os ídolos de seu próprio pai, assim tirando a influência do pecado de sua própria família.

Os israelitas tinham sofrido sete anos de opressão estando debilitados com a presença dos Midianitas (conf. Juízes 6,6).

Deus ouviu o choro arrependido de seu povo, e resolveu salvá-lo de um modo incomum. Ele começou com um homem tímido chamado Gideão, que vinha de uma família pobre e insignificante da tribo de Manassés. Então, ele chamou soldados de quatro tribos de Israel para lutar contra o formidável exército dos invasores. Ele reuniu 32.000 soldados para tentar derrotar 135.000 soldados inimigos. No final da história que já conhecemos restou um pequeno exército de 300 soldados Eles se tornaram vencedores com o poder divino.

Deus deixa para nós uma lição de vida. Assim como Deus vence os Midianitas com o pequeno exército de Gideão poderá nos fazer vencedores em nossa vida!

Jesus disse: "Ao vencedor, concederei sentar-se comigo no meu trono" (Apocalipse 3,21). Bíblia de Jerusalém.

5597 visitas



Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook