Uma janela sobre o mundo bíblico

Qual o assunto dos Atos dos Apóstolos?



  • Pergunta de Junior, Amarante - MA
  • 2481
  • 20/02/2016
Odalberto Domingos Casonatto

 Olá Junior de Amarante MA!

Para descobrirmos qual o assunto que é tratado nos Atos dos Apóstolos, um bom início é ter a compressão que ele dá continuidade ao evangelho de Lucas. Assim o pensamento de Lucas, sua maneira de escrever, a quem ele se dirige continuam presentes nos Atos dos Apóstolos.

Portanto Lucas escreve um livro que se divide em duas partes, sendo a primeira parte o evangelho de Lucas e a segunda parte o livro dos Atos dos Apóstolos. Olhando com atenção o título do livro Atos dos Apóstolos já encontramos o caminho da compreensão: São as atividades “os Atos” dos seguidores de Jesus no início do ministério e na formação das comunidades. É o evangelho do Espirito. O assunto que é descrito é a atividade das primeiras comunidades e seu testemunho em nome de Jesus, no anuncio da Boa Nova.

O testemunho de Jesus Cristo vivido pelos dos Apóstolos transforma as pessoas e muda suas relações de convivência. As estruturas da época são colocadas em cheque, contestadas e os seguidores de Jesus em suas comunidades são perseguidos. Pelos Judeus em nome da lei Judaica e pelos Romanos que oprimiam as comunidades.

A igreja dois Atos é dinâmica cheia de vida. Uma Igreja que se espalha pelas cidades do Império Romano.

Completando a resposta podemos falar nos objetivos do livro de Atos dos Apóstolos?

O primeiro objetivo dos Atos dos Apóstolos escrito por Lucas é mostrar a ação do Espírito Santo na primeira comunidade cristã e em seu redor. De fato o Espírito Santo se torna palavra chave no texto, aparecendo inúmeras vezes, destacando assim como importante.

De modo destacado o livro fala das atividades apostólicas de Pedro de Paulo. Os apóstolos João e Filipe aparecem apenas como figurantes. Entretanto, não são os Atos desses apóstolos que achamos no livro, e nem é o objetivo do redator Lucas, mas antes a história da difusão do Evangelho, de Jerusalém até Roma, pela ação do Espírito Santo. Portanto os Atos dos Apóstolos constituem a principal história da expansão da igreja entre judeus e gentios, estabelecendo-se nos centros de influência em pontos destacados do Império Romano, desde Jerusalém até Roma e até os confins do mundo.

Outro objetivo do redator Lucas foi organizar o material histórico mostrando que a difusão do evangelho foi de forma imediata e evidente. Podemos afirmar que é uma história gráfica, tendo como objetivo não apenas narrar, mas edificar as comunidades da Igreja pelo Império Romano. Portanto, podemos considerar os Atos dos Apóstolos como um sermão de caráter histórico acerca do poder cristão: sua fonte e seus efeitos.

2481 visitas



Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook