Uma janela sobre o mundo bíblico

Meu filho está namorando uma pessoa, que é Batizada crismada e fez também a 1° eucaristia, teve algum problema na vida, agora se diz evangélica. Quero saber na bíblia a parte que fala, que a mulher tem que andar lado a lado com o homem, namorado e marido.



  • Pergunta de Mariza, São Paulo - SP
  • 1045
  • 12/05/2016
Odalberto Domingos Casonatto

Leia mais sobre Casamento |


Olá Mariza de São Paulo - SP!

 

Textos bíblicos sobre o matrimônio, sua importância, etc..., existem muitos na Bíblia. Deixo apenas alguns, mas poderás encontrar muitos outros: Vejamos no caso de casamento misto em que um dos cônjuges não seja cristão em 1 Coríntios 7,14:

“14Pois o marido não cristão é santificado pela esposa, e a esposa não cristã é santificada pelo marido cristão” (1 Coríntios 7,14 ) Bíblia de Jerusalém

Talvez não seja o caso exposto pois os dois são cristãos, mas o viver lado a lado, é a maneira que o casal terá para chegar até Deus, e na vivência do dia a dia, é na criação e educação dos filhos, é na participação da vida da comunidade que colaborarão com Deus na construção deste mundo.

Outro texto muito significativo e que responde biblicamente o estar lado a lado em Mateus 19,6:

“6De modo que já não são dois, mas uma só carne”. (Mateus 19,6) Bíblia de Jerusalém.

Continuando...

Sua pergunta é oportuna pois o que está acontecendo com seu filho nos próximos anos acontecerá no Brasil. Sabemos do alarmante aumento do número dos protestantes, estão passando dos cinquenta milhões e logo, logo serão a metade da população brasileira. Isto trará algumas vantagens, como vai colocar em cheque o modelo de evangelização dos católicos, terão que ter a humildade que não serão mais maioria e começarão aparecer inúmeros casos de casamento ou namoro como está acontecendo com seu filho.

Soluções que eram utilizadas até agora:O código de direito canônico (Igreja católica), procura dar indicações para a solução de casos que acontecem fora do andamento normal da vida de um católico.

Existe o casamento misto. Este é realizado na presença de um Pastor e de um Sacerdote da Igreja católica. Muitos buscam esta forma. A Igreja exige algumas prerrogativas como, liberdade de ir à Igreja por parte dos cônjuges, educação e batismo dos filhos na Igreja católica, etc, normas estas que nem sempre são respeitadas. Escapa do controle.

O que está acontecendo com o seu filho se enquadra na modernidade e das tendências da sociedade brasileira que hoje segue várias religiões.

Precisarias saber até que ponto a namorada de seu filho é evangélica. Ela foi batizada? está inscrita em alguma Igreja? contribui com o dízimo, aceitará o casamento misto, ou é irredutível no casamento em sua Igreja etc.

- O casal deveria conversar muito claramente quanto:

- Liberdade de ir a Igreja no domingo (não pode existir negação de uma das partes).

- Como será a educação dos filhos.

- Qual a religião que vão ser batizados.

- Quem acompanhará a educação religiosa.

Coloco aqui apenas algumas questões, mas os dois deveriam falar com os responsáveis pelas Igrejas, colocando a situação e o que a Igreja pede a seus fiéis.

Tenho informações por exemplo da Igreja Luterana tradicional em que no momento do casamento a mulher adota a religião do marido, assim são eliminados um monte de dificuldades. Mas isto é praticado pelos luteranos.

Sabemos também como muitas vezes os pais são irredutíveis na questão do casamento religioso dos filhos.

Por tudo isto também tem um agravante que muitos casais nem casam no religioso e nem no civil, isto não recomendo a ninguém, pois a parte da mulher será a mais prejudicada.

Recomendo neste momento decisivo da vida de seu filho, que tenhas muita calma, diálogo e que possam encontrar uma solução adequada.

1045 visitas



Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook