Uma janela sobre o mundo bíblico

Fundamentos de uma oração à Nossa Senhora.



  • Pergunta de Maria Ang[elica da Silva Santos, Caxanbu, MG
  • 1513
  • 21/07/2016
Luiz da Rosa

Leia mais sobre Maria, mãe de Jesus |


Aqui a pergunta na íntegra:

Existe um cartaz afixado no Parque da minha cidade, que ensina:  "Ó MARIA, CONCEBIDA SEM PECADO, ROGAI POR NÓS QUE RECORRERMOS A VÓS!" Por mais que eu tenha procurado no N.T. Bíblico, não consegui achar em algum lugar a informação que Maria foi concebida do Espírito Santo. Como se pode fundamentar tal oração que está sendo ensinada às pessoas?

Não tem fundamentos diretos sobre a concepção imaculada de Nossa Senhora na Bíblia. É um dogma que existe na igreja católica, criado em 1854, que afirma que Maria nasceu sem pecado. A ideia fundamental dessa doutrina é que graças ao "sim" de Maria o salvador entra no mundo. Por isso, mesmo se de maneira subordinada, ela participa na vitória de Cristo sobre o pecado.

Muitas doutrinas nasceram da reflexão dos Padres da Igreja, dos lungos séculos de disputa teológica. Essa é uma delas. Obviamente o dogma é muito recente, mas considera a reflexão feita durante o tempo. 

Toda a reflexão teológica tem fundamento bíblico. Na tradição católica, ao fundamento bíblico se soma a tradição, pois se acredita que a revelação divina continua na história. Esse princípio pode contrastar com o "sola scriptura", um dos 5 princípios da reforma protestante.

Na Bíblia aparece evidente o papel de Maria na encarnação de Cristo. Esse relevo teve como fruto 4 dogmas, dois muito antigos e outros dois mais recentes: a maternidade divina de Maria (431, Concílio de Éfeso), a sua virgindade (553, Concílio de Constantinopla), a imaculada conceição (1853) e a assunção aos céus do seu corpo (1950).

1513 visitas



Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook