Uma janela sobre o mundo bíblico

O Antigo Testamento é todo sobre Israel?



  • Pergunta de Deise Luane Marques, Novo Hamburgo
  • 2163
  • 28/07/2016
Luiz da Rosa

Leia mais sobre Hebreus | Israel | Antigo Testamento


Basicamente poderíamos dizer que sim. Mas é necessário ter claro alguns pontos. Primeiro de tudo é necessário ter presente alguns termos que podem criar confusão.

Israel: foi o nome dado por Deus a Jacó, depois da luta entre os dois (Gênesis 32). O significado provavelmente é "Deus governa", mas alguns retém que possa significar ainda "O homem que viu Deus", referido a Jacó. Basicamente trata-se do nome que engloba o povo que segue os Patriarcar e os filhos de Jacó, as tribos. Israel se torna, em seguida, o Reino do Norte, em contemporânea com o Reino do Sul, Judá. Nos tempos recentes, depois da II Guerra Mundial nasceu o estado de Israel.

Povo judeu: São os descendentes de Abraão, com quem Deus fez a Aliança, prometendo uma grande descendência. É o povo escolhido por Deus para dispensar sua graça.

Judeus: Até o exílio na Babilônia, o membros do povo escolhido por Deus eram chamados de hebreus, como fora chamado Abraão em Gênesis 14,13. Depois do exílio, esse termo começou a cair em desuso e foi substituído por "judeus", que deu também o nome à religião. Jesus foi um judeu, membro do povo escolhido por Deus e praticante da religião judaica.

 

Respondendo a pergunta

Historicamente falando, o AT fala principalmente do povo escolhido por Deus, dos hebreus e dos judeus. É a mensagem de Deus dirigida a este povo, é Deus que se revela a ele; é a descrição de uma relação de fé, de uma caminhada espiritual, cujo protagonismo é desse povo escolhido por Deus, através de Abraão. Outros povos são mencionados, como os babiloneses e os egípcios, mas sempre na perspectiva do povo eleito.

Também no Novo Testamento o ambiente é aquele típico dos judeus, mas a perspectiva muda. Aliás, já estava mudando também no Antigo Testamento. De fato, os profetas já haviam dito que a salvação era para todos, também para as nações estrangeiras, como podemos ver no Livro de Jonas. Com Paulo, no Novo Testamento, isso se torna muito evidente, principalmente quando ele consegue levar o Evangelho, a mensagem de Cristo, até Roma, que era então considerado o centro do mundo.

Mesmo contando a história do povo judeu, o AT é importante ainda para nós hoje. De fato, como faz um pedagogo, ele nos revela verdadeiramente quem é Cristo, como Deus age na história da humanidade e como se revela.

2163 visitas



Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook