Uma janela sobre o mundo bíblico

O que é menos pior: viver nesse mundo cheio de sofrimentos, injustiças, desgraças, tragédias, misérias e problemas ou enfrentar o fim do mundo?



  • Pergunta de Alan Robert Guiraldino, Matão, SP
  • 759
  • 11/12/2016
Luiz da Rosa

Leia mais sobre Sofrimento | Escatologia |


Realmente não é fácil ter a consciência de que Deus fez o ser humano e o mundo para dar os seus dons e, ao mesmo tempo, ver que em volta de nós existe tanto sofrimento, tanta coisa ruim que contradizem a vontade divina. Esse drama, aplicado a realidades individuais, leva tanta gente ao suicídio ou, de maneira mais geral, à falta de vontade de viver. Todo esse pessimismo é muito anti-cristão. Como é anti-cristão o desejo do fim do mundo. O mundo é o lugar da implementação do Reino de Deus. Essa é a nossa missão. Não basta sonhar com uma vida eterna bonita, onde tudo é felicidade, onde não há mais mal, divisão, guerras... A nossa missão é transformar o mundo que vivemos em Reino de Deus. Sei que não é fácil, pois afinal não somos ilhas, não somos isolados e não conseguimos mudar o mundo sozinhos. Somos comunidade e se todos não colaboram não se alcança o sucesso. De qualquer forma, em realidades menores, precisamos conseguir aplicar os ensinamentos divinos e construir pequenos "céus": na minha família, no meu trabalho, na minha vida privada... Se não é possível, é importante refletir onde está a culpa.

Não sei bem o que você entende por "fim do mundo". Se você o compreende como destruição de tudo o que exite é uma coisa muito grave. Como podemos pedir a destruição de algo criado por Deus? Sinceramente acho que é esse desejo represente um grande pecado. Em termos bíblicos o "fim do mundo" representa uma meta a ser alcançada, um ideal, um momento em que todas as coisas se realizam. São dois modos opostos de ver o fim: destruição e ideal.

Estamos prontos para buscar uma situação ideal, fazendo o pouco que podemos, na nossa realidede, ou queremos renunciar a qualquer compromisso?

759 visitas



Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook