Uma janela sobre o mundo bíblico

O que Jesus quer nos mostrar em Mateus 23,3-4: Fazei e obedecei, portanto, a tudo quanto eles vos disserem. Contudo, não façais o que eles fazem, porquanto não praticam o que ensinam. Conhecer a verdade e a verdade vos libertará.



  • Pergunta de Rosivaldo Lopes, Gurupi - TO
  • 1864
  • 12/01/2017
Odalberto Domingos Casonatto

Leia mais sobre Fariseu |


Olá Rosivaldo Lopes de Gurupi - TO!

Olhando o conjunto do capítulo 23, entendemos facilmente o porquê Jesus diz as multidões que o acompanhava e a seus discípulos. No fato narrado mostra que os fariseus e escribas (no texto chamados de guias cegos por Jesus) recusam a ouvir a mensagem de Jesus, a aceitar a entrada em seu reino messiânico e passam a impedir a entrada do povo eleito no grupo de Jesus. Os escribas e fariseus preparam assim a extrema desgraça do abandono divino a seu povo  “Vossa casa ficará deserta.” Mateus 23,38.

Na realidade Mateus narra desta forma em 23,2-4:

O escribas e fariseus estão sentados na cátedra de Moises. 3Portanto, fazei e observai tudo o quanto vos disseram. Mas não imiteis as suas ações, pois dizem e não fazem.4Amarram fardos pesados e os põem sobre os ombros dos homens, mas eles mesmos nem com um dedo se dispõem em movê-los.” (Mateus 23,2-4) Bíblia de Jerusalém.

A cátedra de Moisés é a cadeira principal na sinagoga onde os fariseus sentavam para interpretar ao povo a lei divina. Jesus reconhece a autoridade que possuem os fariseus em interpreta lei, mas adverte a multidão e os discípulos contra o seu comportamento. Eles na realidade não fazem o que anunciam e explicam. E ainda mais Jesus adverte, se fazem é por orgulho e ostentação. Tais atitudes não são dignas para um discípulo meu diz Jesus.

1864 visitas



Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook