Uma janela sobre o mundo bíblico

Gostaria de entender o que Jesus está dizendo em Mateus 12.



  • Pergunta de Fábio Vieira Moura, Brasília - DF
  • 1996
  • 21/01/2017
Odalberto Domingos Casonatto

Leia mais sobre Mateus |


Olá Fábio Vieira Moura de Brasília!

Início lembrando que queres uma resposta ou mesmo um esclarecimento do que o evangelista Mateus narra no capítulo 12 a respeito da proposta de Jesus. Na realidade, os assuntos são muitos e poderíamos encontrar uma dezena de perguntas.

Coloco algumas considerações para lhe ajudar a continuar o estudo de Mateus.

O capítulo 11 e 12 de Mateus pertence ao conjunto literário da parte narrativa de Mateus, que podemos dividir o evangelho em cinco pequenos livros, lembrando o Pentateuco bíblico que se compõem também de 5 livros. Mateus deseja que seus ouvintes vindos do judaísmo entendem que, assim como o Pentateuco propõe a lei judaica e sua interpretação, o evangelho de Mateus propõe a proposta de Jesus ou sua lei do Amor.

No capítulo 11 e 12 de Mateus aparecem as hostilidades dos fariseus e escribas contra Jesus e sua proposta. Este conflito declarado entre Jesus e os Fariseus e escribas tem como ponto central a interpretação da Lei. (Mateus 12,1-14).

Mateus se utiliza do ensino do profeta Isaías em seu livro (Isaías 42,1-4) e apresenta Jesus como o servo de Javé 12,15-21. Entretanto os Fariseus que esperavam um Messias triunfante e poderoso, não aceitam o poder proposto por Jesus-servo, e o combatem cruelmente.

Jesus encontra resistência em anunciar sua mensagem em Israel. No texto por outro lado, Jesus olha mais longe e constitui o novo Povo que passa a ser constituído por Judeus e não judeus. Neste novo povo todos têm lugar. Existe uma exigência: acolher os designíos de Deus tão bem descrito nas bem-aventuranças. Finaliza o capítulo 12, em que Jesus reconhesse sua família. 

1996 visitas



Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook