Uma janela sobre o mundo bíblico

Crise de água em Israel



Luiz da Rosa

Leia mais sobre Terra bíblica hoje |


Na semana passada as autoridades responsáveis pela água em Israel comunicaram que o fluxos de água que alimentam o Rio Jordão e o Lago de Tiberíades no mês de novembro foi um dos mais baixos desde 1948, quando essa medida começou a ser controlada.

O Rio Jordão, que entra e sai do Lago de Tiberíades, é alimentado por 3 fontes principais: Banias, Dan e Snir. A falta de água é causada sobretudo pela pouca chuva que caiu na região. Normalmente, em Israel, a chuva cai nos meses invernais, de novembro a março.

A água que atualmente entra, através do Rio Jordão, no Lago de Tiberíades é metade daquela do ano passado. Uma das conseqüências da diminuição da água do Rio Jordão é o abaixar-se do nível do Mar Morto, onde terminam as águas do rio. De fato, o nível do Mar Morto diminuiu, desde dezembro do ano passado, 1,40 metros.

A principal fonte de água de Israel é o Rio Jordão. Além dessa água, cerca de 150 milhões de metros cúbicos de água são dessalinados, do Mar Mediterrâneo.

Juntamente com essa dificuldade hídrica, a inauguração do parque arqueológico em Tiberíades criou um escândalo: de fato foi feito um grande jardim com de grama que é continuamente irrigado, o que é proíbido em Israel, exatamente para evitar o desperdício de água. Apesar da existência da lei, a prefeitura de Tiberíades, diz que o projeto foi feito antes que a a norma entrasse em vigor.

Leia mais: O Rio Jordão Está Desaparecendo

2350 visitas



Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook