Olá Licio Henrique do Rio de Janeiro!

Lendo os primeiros capítulos do livro das Crônicas com o intuito de responder sua pergunta esses capítulos apresentam uma lista enorme de nomes, que entre eles, chegando no capítulo 4, 9-10 encontramos o nome de Jábez, e ele é descrito como um ilustre desconhecido.

A pergunta que chega até nós é está: Porque Deus resolve contar a história de um ilustre desconhecido? Como a gente costuma dizer em português, “de um ilustre… desconhecido.

A narrativa Bíblica fala que ele foi mais ilustre do que os seus irmãos, mas ele é um total desconhecido do resto da Bíblia. Apenas estes versículos Bíblicos falam de Jábez, e depois nada mais encontramos.

Tentando entender estes versículos que falam de Jábez, o texto nos diz que a sua fama é uma fama passageira ao que tudo indica. Porque não tem mais nada na Escritura por escrito.

Assim pelo desconhecimento de suas origens e filiação, apenas cita sua Mãe nem o nome dela nem do Pai encontramos, concluímos que a Escritura faz questão de registrar, o que há de principal na vida dele. Nós não sabemos mais nada dele no Antigo Testamento. Ele não é um Moisés, não é um Davi, não é alguém que tenha muitas coisas pra se contar a seu respeito. Ele apenas é Jabez e a sua é fama é de que ele é mais ilustre que seus irmãos, ele é da descendência de Davi e ele é destacado por ser mais ilustre.

 

A oração de Járbez

Vejamos como ela aparece no texto em 1 Crônicas 4,9-10:

Járbez invocou o Deus de Israel: “Se efetivamente me abençoares”, disse ele aumentarás meu território, tua mão estarás comigo, farás que se afaste o mal e minha dor terá fim”. Deus lhe concederá o que ele pediu (1 Crônicas 4,9-10) Bíblia de Jerusalém.

A única coisa que o texto nos dá de dica é uma oração que ele fez e a gente tem que olhar para essa oração e para maneira como Deus respondeu essa oração, para tentar encontrar o que que há de mais ilustre nele. Inclusive, eu acho que essa mensagem é importante porque se a gente for olhar para nossa vida, nós somos conhecidos pelo que? A maioria de nós não é conhecida por coisas muito grandes. Quem de nós pode dizer que a gente tem uma vida semelhante a de Moisés, ou a de Davi? Nenhum de nós.

No entanto, Deus faz questão de destacar algo precioso na vida de um ilustre desconhecido que recebe um destaque especial por algo que qualquer um de vocês pode fazer.

Como Járbes nós também podemos ser conhecidos por uma coisa tão simples, como a que ele fez. Este é o grande ensinamento da sua oração.